Navegação na tag

alimentos

Casa Flora destaca mix para o fim de ano

Com 51 anos de mercado e com a expectativa de anotar um crescimento de 15% nas vendas de fim de ano, a Casa Flora Importadora vem dando destaque para um mix de produtos que inclui deste alimentos a vinhos, cervejas e outras bebidas

Camil mira expansão internacional

Este ano, a Camil entrou em massas, café e fincou bandeira no Equador. Gostou do tempero e quer mais: seus planos são avançar em novos segmentos e reforçar a atuação internacional no curto e médio prazos. A estratégia é deixar de lado a

Superbom anuncia novidades para o segundo semestre

A Superbom está dividindo sua área comercial em duas unidades de negócios, preparando o lançamento de novos produtos e expandindo seus pontos de venda digitais - inclusive com um e-commerce próprio em andamento. As movimentações surgem

Ruptura se mantém em alta nos supermercados

Seguindo a tendência de abril, a ruptura – índice que mede a falta de produtos nos supermercados – se manteve em alta em maio no Brasil, com 11,14 %. No ranking de produtos com maior ruptura estão as bebidas à base de soja, leite longa

Aryzta inaugura fábrica em Pouso Alegre

A nova planta da companhia suíça Aryzta, fabricante de produtos congelados de panificação e confeitaria em Pouso Alegre, no Sul de Minas Gerais, acaba de ser inaugurada. Com aportes de R$ 300 milhões e geração de 300 empregos diretos e

Cepêra conquista a Certificação FSSC 22000

A Cepêra conquistou a Certificação FSSC 22000, uma norma referencial de Segurança de Alimentos da Iniciativa Global de Segurança de Alimentos (GFSI), baseada na ISO 22000, reconhecida internacionalmente.FSSC é uma sigla para “Food

Custo da cesta básica aumenta em 15 capitais em abril

O custo médio da cesta básica de alimentos aumentou em 15 cidades e diminuiu em outras duas, entre março e abril de 2021, de acordo com a Pesquisa Nacional da Cesta Básica de Alimentos, realizada mensalmente pelo Departamento Intersindical

Indústria tenta se recuperar no primeiro trimestre

Os efeitos negativos da pandemia nos negócios afetaram vários setores da economia no primeiro trimestre deste ano. Segundo o Índice GS1 Brasil de Atividade Industrial, embora a indústria tente uma reação na intenção em lançar produtos no

DB DigitalReceba no seu email

DB DigitalReceba no seu email