Após elevar dívida em 2019, Carrefour Brasil faz empréstimo de R$ 1,5 bilhão

O Carrefour Brasil novamente teve que recorrer ao seu braço financeiro global, o Carrefour Finance. Isso porque a filial brasileira da rede de mercados francesa aumentou sua dívida total no segundo semestre do ano passado e teve que fazer um contrato de empréstimo de R$ 1,5 bilhão.

É importante destacar que o Carrefour utilizou 80% dos recursos de seu IPO, há cerca de dois anos, para pagar dívidas ao Carrefour Finance. Em setembro do ano passado, a empresa divulgou dívida líquida de R$ 5,3 bilhões, valor mais de duas vezes maior do que o do mesmo período de 2018. No documento da reunião de conselho de administração do Carrefour, publicado no dia 2 de janeiro deste ano, a empresa não deu detalhes sobre o destino da linha de empréstimo e disse apenas que seria utilizado em “finalidades corporativas gerais”.

O Carrefour anunciou no ano passado que iria investir R$ 2 bilhões no Brasil em 2020.

Investimento no Brasil

O presidente do Carrefour no Brasil, Noël Prioux, disse que o grupo pretende investir R$ 2 bilhões no País neste ano. A declaração foi feita ao final do ano passado, durante um evento da varejista francesa em São Paulo. O executivo ressaltou que o valor dos investimentos dependerá do número de imóveis comprados pelo Carrefour até o final deste ano.

A medida faz parte do projeto de expansão do grupo. No acumulado de 2019, os investimentos da empresa no País somam cerca de R$ 1,8 bilhões a R$ 2 bilhões. Além disso, para 2020, a expectativa é que 20 novas unidades sejam inauguradas.

O presidente da varejista no Brasil ressaltou ainda que as bandeiras que seguem os formatos de proximidade também ganharão novas unidades. Neste caso, a previsão é que o grupo abra outras lojas do Minuto e Carrefour Market.

fonte: Sunoresearch

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

DB DigitalReceba no seu email

DB DigitalReceba no seu email