Cargo X cria fundo de R$ 30 milhões para ajudar a transportar itens de consumo primário

A Cargo X está disponibilizando R$ 30 milhões de reais para transportadores e pequenos frotistas cujas cargas são de consumo primário, ou seja, os itens mais necessários à sociedade neste momento: alimentos, produtos de higiene e limpeza, fármacos e afins.

Estes fretes serão pagos para os transportadores e custeados pela Cargo X, que irá pagar 70% do valor no momento em que o caminhão está sendo carregado e os outros 30%, assim que ele concluir e assumindo todo o risco da operação.

“Acreditamos que esse fundo possa ajudar a levar os insumos mais necessários para a população no momento, ao mesmo tempo que irá manter a renda do caminhoneiro, durante esta crise. Faremos o que estiver ao nosso alcance para dar suporte à sociedade e não deixar os mercados e farmácias desabastecidos”, afirma Federico Vega, CEO da Cargo X. As empresas interessadas em se beneficiar de este capital precisam se cadastrar no seguinte link http://cargox.com.br/etc

Outra iniciativa que a empresa adotou e que é de grande ajuda neste período de desaceleração de alguns setores da economia para ajudar as transportadoras é o Projeto Sinergia, que tem como objetivo reduzir o tempo de ociosidade dos caminhões sem carga, aumentar as demandas e a previsibilidade de fretes, pois em média, um caminhoneiro leva cerca de 2 dias para encontrar uma rota que tenha origem no lugar onde ele está, ou próxima, para voltar pra casa. “Se o motorista fica alguns dias sem frete, ele está, literalmente, perdendo dinheiro. Logo, o projeto Sinergia é um modo dele trabalhar com muito mais eficiência”, explica Vega.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.