Rapidez no transporte

Todos os anos, os Estados Unidos consomem mais de 100 bilhões de libras em frutas e vegetais, aproximadamente 454 bilhões de quilos. Destes, 15% ou 15 bilhões de libras advém do México, cuja fronteira está em um espaço de 100 quilômetros de distância ao sul com a cidade de Tucson. “Este volume percentual pode variar para cima ou para baixo conforme a estação do ano. No inverno, os Estados Unidos chegam a consumir 30% de frutas e vegetais que vem do México”, disse Georgina Felix, professora do College of Agricultura and Life Sciences, da Universidade do Arizona, em aula ao grupo de brasileiros.

Os itens são os mais diversos como abacate, tomate, banana, melancia, mamão e outras frutas tropicais. Para que estas mercadorias estejam em um período de tempo, que vai de um a cinco dias após a colheita no ponto de venda americano, os transportes são realizados através do Porto e por caminhões, que cruzam a fronteira entre os dois países.

“Existem muitos desafios a serem superados, desde a falIMG_4616ta de oficiais em número suficiente para agilizar o atendimento aos caminhoneiros, até questões de segurança e de controle de entrada no país, mas isto deve ser resolvido, pois é de interesse comum dos dois ampliar este comércio”, afirmou Georgina.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.