Amazon venderá itens de supermercados por assinatura no Brasil

A Amazon anunciou na quarta-feira (7), o lançamento no Brasil de um programa de compra recorrente de itens de supermercados, como alimentos, higiene, limpeza e bebidas. O movimento intensifica a competição na venda on-line no segmento de supermercados após o início da pandemia no país. Desde o começo do isolamento social, houve um aumento no volume desses produtos à venda nos sites de empresas como Magazine Luiza e B2W (Americanas.com, Submarino), rivais diretas da Amazon.

O cliente pode se cadastrar no site da empresa, na aba “Programe e Poupe”, e receber desconto de 10% nos pedidos dos itens que fazem parte do programa de assinatura. A primeira entrega é paga. Há frete grátis a partir da segunda entrega. O consumidor agenda as entregas, em intervalos que podem ser mensais a semestrais, e a Amazon faz os envios automaticamente. O programa lançado inclui produtos de empresas como L’Oreal, Nestlé, Procter & Gamble e Reckitt Benckiser, entre outras.

Clientes inscritos no programa Amazon Prime não pagam o frete da primeira entrega e podem ter descontos de até 15% em itens selecionados para bebês e crianças. No comunicado ao mercado, a empresa não informa se há impacto na rentabilidade dessas categorias com a iniciativa e como isso seria absorvido — se os custos comerciais serão divididos junto à indústria fornecedora ou absorvidos pela Amazon.

Operações de comércio eletrônico no país ainda exigem altos investimentos e a maioria opera no prejuízo, segundo consultores da área. A Amazon não informa os seus números no Brasil.

No país, há alguns sites de venda de itens de supermercados, como o Shopper, que já oferecem esse sistema de compra e entrega, mas com frete grátis acima de determinado valor.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

DB DigitalReceba no seu email

DB DigitalReceba no seu email